Portal AD Redenção

Saúde

O Cristão a Saúde e o Cuidado do Corpo

O Cristão a Saúde e o Cuidado do Corpo

O Cristão a Saúde e o Cuidado do Corpo

As Escrituras Sagradas nos revela que o Senhor Deus modelou o homem como se modela a argila do solo, e insuflou em suas narinas o espirito de vida e o homem se tornou um ser vivente. “...E formou o Senhor Deus o homem do pó da terra, e soprou-lhe nas narinas o fôlego da vida; e o homem tornou-se alma vivente...” (Gênesis 2:7). Portanto, o homem em sua totalidade é querido por Deus. O corpo do homem também participa da dignidade da “imagem de Deus”: E a pessoa humana inteira está destinada a tornar-se, parte do Corpo de Cristo, e Templo do Espírito Santo. E é exatamente neste pensamento que não se pode desprezar a vida no corpo; ao contrario, devemos estimar e honrar o corpo, (honrar não cultuar), porque ele foi criado por Deus e é destinado à ressurreição no último dia.
É saudável cuidar do corpo

Desta forma, é aconselhável a nós, evitar todo tipo de vícios e hábitos que possam fazer mal à saúde e venha de qualquer forma prejudicar o corpo. Sabemos que Todas as formas de vícios acabam cedo ou tarde lesando a saúde; o vicio do cigarro, a bebida alcoólica, e as drogas, de modo especial, fazem muito mal à saúde do corpo, como também do espirito. É preciso cultivar a virtude da temperança pois ela nos ajuda a evitar toda espécie de excesso, o abuso da comida, do álcool, do fumo e dos medicamentos usados de maneira errada. É claro e racional que juntamente com a saúde física é preciso cuidar da saúde mental. Se a pessoa não tem uma vida equilibrada, ela pode buscar nos vícios uma forma de compensar as frustrações e carências afetivas, etc. Podemos e devemos buscar ajuda profissional e espiritual para tratar dos males de nosso espírito. Hoje a depressão é causa de muito sofrimento, e mesmo de morte. É preciso tratar dela com médicos, psicólogos, psiquiatras e ajuda espiritual. Também as condições de trabalho inadequadas podem fazer mal à saúde. Felizmente os governos estão hoje mais alertas a isto, mas assim mesmo ainda há casos de desrespeito neste campo.
A saúde do corpo no trabalho

Em relação ao trabalho é preciso lembrar também que não podemos ser escravos dele. Muitos se matam de trabalhar, sem o necessário repouso e férias. Isto prejudica a saúde física e mental, sem falar no mal que pode fazer para a família. Quantos pais e mães abandonam seus filhos para se dedicar exageradamente ao trabalho. O dinheiro ganho deste jeito pode depois ter que ser usado com médicos e psicólogos para compensar os males produzidos pela ausência dos pais junto aos filhos.


Cuidar do corpo e da saúde é algo importante e necessário, mas cair no erro do culto exagerado ao corpo, como se ele fosse mais importante do que o espírito, é um erro que colocará o homem a margem de Cristo.

 

Página:

http://www.adredencao.com.br/noticia/saude/2017/03/08/o-cristao-a-saude-e-o-cuidado-do-corpo/301.html